Associação Comercial do Distrito de Aveiro

Nossa História

Fundada pelo decreto real em 25 de novembro de 1858. A Associação Comercial de Aveiro (A.C.A.), foi reconhecida como Instituição Pública em 1993. Esta é a nossa história.

Fundador principal

Entre os seus fundadores está Nicolau Anastácio de Bettencourt, então Governador Civil de Aveiro, a figura principal da fundação da Associação Comercial de Aveiro.

Principais fundadores

O contributo de Tribuno José Estêvão, Bento de Magalhães, Silvério Augusto Pereira da Silva, Manuel José Mendes Leite, Agostinho Pinheiro e Sebastião de Carvalho e Lima terá sido crucial na construção da primeira agremiação de comerciantes da região.

 

 

Primeiro Presidente 1858 a 1864



Presidente em 1864

 

 

Período sem informação até 1941

 


Presidente entre 1941 e 1944

 

 

João Ferreira de Macedo



Presidente da  A.C.A. entre 1945- 53.

 

 

DR. João Raposo

 

 Presidente da comissão Administrativa em 1955.

 

 

João Nunes da Rocha

 

 

Presidente da A.C.A. entre 1959-61

 

 

Carlos Marques Mendes

 

 

Presidente da A.C.A. entre 1962-73

 

 

Comissão Administrativa em 1974

Em 1974, a revolução das Forças Armadas, que ocorreu em 25 de abril, permaneceu na história como a “Revolução dos Cravos”. Esta revolução derrubou a ditadura de Marcelo Caetano e instaurando a democracia. No dia 25 de abril eles tentaram tomar posse da Associação Comercial de Aveiro, com um capitão cujo nome é desconhecido. A união dos comerciantes impediu que isso acontecesse.

 

 

Joaquim Alves Moreira Júnior

 

 

Presidente da A.C.A. nos anos 1977-78



Presidente da A.C.A nos anos 1978-80

 

 

Presidente da A.C.A. entre 1981-83

 

Uma reunião de empresários do Distrito foi realizada em 1983, na qual uma moção foi posteriormente apresentada ao Primeiro Ministro, que defendeu a necessidade de uma assinatura para a construção do IP5.

 

 

Presidente da A.C.A. durante 17 anos

 

 

No mandato de 1984-86

 

Requereu esta Associação a sua Ex.ª, o Sr. Ministro do Comércio, a criação da Câmara de Comércio e Indústria de Aveiro, em 1986.

 

 

Durante 1987- 89

Para promover a expansão da Barra e do cais acostável, a A.C.A. foi associada em 1989 ao Conselho Empresarial do Norte e integrou um Seminário no qual participariam elementos do governo português, espanhol e francês.

 

 

Na época 1990 a 1992

Esta Associação criou, com um conjunto de empresas, a sociedade limitada TIRTIFE – Terminais de Aveiro, S.A., inaugurada pelo Primeiro Ministro em Maio de 1990 e foi reconhecido o Estatuto da Instituição de Utilidade Pública.



Entre 1993-95

 

Em Fevereiro de 1995, a A.C.A. criou um Gabinete de Apoio Empresário, de forma a abranger todo o Distrito através da União das Associações de Comerciantes do Distrito de Aveiro.



Entre 1996-98

 

Aveiro, foi atribuído à categoria de membro honorário da Ordem da Liberdade, pelo Presidente da República, Jorge Sampaio, em 1998.


Ultimo mandato  entre 1999-2001

 

Renasce o turismo na região, com a readaptação dos barcos moliceiros, que estavam em via de extinção.



Presidente da A.C.A. desde 2003 até ao presente.